BENEFÍCIOS DA APLICAÇÃO DO BRINQUEDO TERAPÊUTICO: VISÃO DOS ENFERMEIROS DE UM HOSPITAL INFANTIL

  • Daniela Karina Antão Marques
  • Kallya Lygia Borges da Silva
  • Déa Silvia de Moura Cruz
  • Ilana Vanina Bezerra de Souza

Resumo

Introdução: O Brinquedo Terapêutico promove o bem-estar psicofisiológico na criança hospitalizada, sendo um recurso para aliviar a ansiedade e favorecer relaxamento, conforto e estabelecer uma melhor interação e confiança entre as crianças, os familiares e os profissionais. Objetivo: Compreender a visão dos enfermeiros sobre os benefícios e as dificuldades da utilização do Brinquedo Terapêutico na hospitalização infantil. Casuística e Métodos: Estudo exploratório-descritivo, com abordagem qualitativa, realizado em um Hospital Infantil, no período de agosto a setembro de 2014. Participaram dez enfermeiros assistenciais que responderam ao questionário elaborado e à análise dos dados baseada na análise temática. Resultados: Os enfermeiros destacaram os efeitos do Brinquedo Terapêutico como um instrumento de cuidado positivo, durante a hospitalização infantil, pois traz benefícios para a criança, proporciona melhor relação interpessoal entre a criança/família e o profissional, facilita a assistência e favorece a compreensão da criança em relação aos procedimentos realizados durante a hospitalização. Conclusão: A utilização do Brinquedo Terapêutico promove individualização do cuidado e auxilia a criança a entender e enfrentar o processo da hospitalização. Os benefícios de sua aplicação são reconhecidos pelos enfermeiros e clientes e por isso seu uso deve ser incentivado, de forma que as dificuldades não se sobreponham durante o processo de cuidar. Considera-se que os resultados deste estudo possam sensibilizar os enfermeiros quanto à aplicabilidade do Brinquedo Terapêutico como intervenção para a clientela pediátrica no enfrentamento da hospitalização
Publicado
outubro 2, 2015
Como Citar
MARQUES, Daniela Karina Antão et al. BENEFÍCIOS DA APLICAÇÃO DO BRINQUEDO TERAPÊUTICO: VISÃO DOS ENFERMEIROS DE UM HOSPITAL INFANTIL. Arquivos de Ciências da Saúde, [S.l.], v. 22, n. 3, p. 64-68, out. 2015. ISSN 2318-3691. Disponível em: <https://www.cienciasdasaude.famerp.br/index.php/racs/article/view/240>. Acesso em: 26 jan. 2022. doi: https://doi.org/10.17696/2318-3691.22.3.2015.240.
Seção
Artigos Originais

Palavras-chave

Jogos e Brinquedos; Criança; Hospitalização; Enfermagem Pediátrica.